sábado, 13 de fevereiro de 2016

Série: Rockeiros que se converteram ao Cristianismo - Pete Sandoval (Morbid Angel, Terrorizer)


 Série: Rockeiros que se converteram ao Cristianismo - Pete Sandoval (Morbid Angel, Terrorizer) 
por Edy Marques

Mais um Headbanger encontra JESUS. O baterista Pete Sandoval da banda  de Death Metal Old- School "Morbid Angel" mudou sua visão de mundo e agora é seguidor do Mestre Jesus Cristo. E agora não faz mais parte da banda.


Em uma entrevista ao Invisible Oranges, seu ex-companheiro de banda 'David Vicen' falou que o Peter Sandoval não está mais na banda.
" Vincent responde: "Pete não está mais no MORBID ANGEL”. " Ele acrescentou: " Todo o seu modo de vida mudou. Ele está em um lugar diferente, e o local que ele se encontra agora, torna Pete Sandoval e MORBID ANGEL não compatíveis."
Pressionado para a reflexão sobre esta suposta "incompatibilidade" entre Sandoval e MORBID ANGEL, Vincent disse: " Bem, [Pete] encontrou Jesus. Você pode ver de onde a incompatibilidade vem." [1]

A conversão ao Cristianismo deu-se em 2012, logo após gravar "hordes of Zombies" do Terrorizer, instigado pela mãe e irmã.
Acabou por ler partes da bíblia que o fizeram ver a luz nas trevas.

Em uma entrevista com a AndrewHaug.com, Sandoval falou como se deu o início de sua conversão:

“Bem, minha mãe e irmã são cristãs há vinte anos, então elas sempre me incentivaram. Falavam todo o tempo sobre Deus. Daí em 2012 eu comecei a ler partes da bíblia que minha mãe me indicava. Lia mas ainda não sentia que precisava achar Deus. Então algo aconteceu, eu diria que Deus entrou em meu coração quando eu lia que devemos procurar Deus com toda nosso coração e alma e rogar humildemente para Deus, que ele virá até você. Então enquanto em tentava entender as palavras de Deus ele veio até meu coração e abriu meus olhos. A luz se fez e percebi que eu vivia num mundo de escuridão, e foi aí que as coisas mudaram. Deus veio até meu coração e abriu meus olhos, e percebi sua existência, pois é preciso percebê-lo para compreender que ele existe. Daí em diante minha fé aumentou dramaticamente, e quanto mais sei sobre Deus mais quero saber sobre ele. Me apaixonei por Deus. É como seu primeiro amor. Foi o que aconteceu, amo Deus agora, e nada neste mundo pode me separar dele." [2]  


 Nessa mesma entrevista foi perguntado se o mesmo permaneceria tocando no Morbid Angel após se tornar cristão.

“Não, pois são duas coisas que não se conectam, só há duas alternativas – uma com Deus e outra sem ele. E o Morbid Angel é definitivamente uma banda satânica. Nunca retornaria ou tocaria novamente em uma banda satânica agora que encontrei Jesus Cristo, meu salvador e redentor, e quem me ajuda todos os dias. Eu gostaria de encorajar… gostaria de contar para as pessoas que Deus pode realmente mudar nossa vida e pode nos mostrar o caminho da vida em fartura, da vitória. Pois estou no caminho da vitória agora. Sinto que do jeito que toco hoje, do jeito que meu corpo se sente, Deus tem me ajudado imensamente, me sinto como se estivesse nos meus 20 ou 30 anos de idade, em plena forma física, tocando como toco da maneira que toco. Quero contar para as pessoas que Deus pode nos fazer dar o melhor de nós mesmos. Definitivamente, Deus é positivo. Deus é força. E Deus é vida em fartura. E Deus pode nos mostrar como viver do jeito que ele quer que a gente viva”. [3]
Curtam nossa página: 


0 comentários:

Postar um comentário

sábado, 13 de fevereiro de 2016

Série: Rockeiros que se converteram ao Cristianismo - Pete Sandoval (Morbid Angel, Terrorizer)


 Série: Rockeiros que se converteram ao Cristianismo - Pete Sandoval (Morbid Angel, Terrorizer) 
por Edy Marques

Mais um Headbanger encontra JESUS. O baterista Pete Sandoval da banda  de Death Metal Old- School "Morbid Angel" mudou sua visão de mundo e agora é seguidor do Mestre Jesus Cristo. E agora não faz mais parte da banda.


Em uma entrevista ao Invisible Oranges, seu ex-companheiro de banda 'David Vicen' falou que o Peter Sandoval não está mais na banda.
" Vincent responde: "Pete não está mais no MORBID ANGEL”. " Ele acrescentou: " Todo o seu modo de vida mudou. Ele está em um lugar diferente, e o local que ele se encontra agora, torna Pete Sandoval e MORBID ANGEL não compatíveis."
Pressionado para a reflexão sobre esta suposta "incompatibilidade" entre Sandoval e MORBID ANGEL, Vincent disse: " Bem, [Pete] encontrou Jesus. Você pode ver de onde a incompatibilidade vem." [1]

A conversão ao Cristianismo deu-se em 2012, logo após gravar "hordes of Zombies" do Terrorizer, instigado pela mãe e irmã.
Acabou por ler partes da bíblia que o fizeram ver a luz nas trevas.

Em uma entrevista com a AndrewHaug.com, Sandoval falou como se deu o início de sua conversão:

“Bem, minha mãe e irmã são cristãs há vinte anos, então elas sempre me incentivaram. Falavam todo o tempo sobre Deus. Daí em 2012 eu comecei a ler partes da bíblia que minha mãe me indicava. Lia mas ainda não sentia que precisava achar Deus. Então algo aconteceu, eu diria que Deus entrou em meu coração quando eu lia que devemos procurar Deus com toda nosso coração e alma e rogar humildemente para Deus, que ele virá até você. Então enquanto em tentava entender as palavras de Deus ele veio até meu coração e abriu meus olhos. A luz se fez e percebi que eu vivia num mundo de escuridão, e foi aí que as coisas mudaram. Deus veio até meu coração e abriu meus olhos, e percebi sua existência, pois é preciso percebê-lo para compreender que ele existe. Daí em diante minha fé aumentou dramaticamente, e quanto mais sei sobre Deus mais quero saber sobre ele. Me apaixonei por Deus. É como seu primeiro amor. Foi o que aconteceu, amo Deus agora, e nada neste mundo pode me separar dele." [2]  


 Nessa mesma entrevista foi perguntado se o mesmo permaneceria tocando no Morbid Angel após se tornar cristão.

“Não, pois são duas coisas que não se conectam, só há duas alternativas – uma com Deus e outra sem ele. E o Morbid Angel é definitivamente uma banda satânica. Nunca retornaria ou tocaria novamente em uma banda satânica agora que encontrei Jesus Cristo, meu salvador e redentor, e quem me ajuda todos os dias. Eu gostaria de encorajar… gostaria de contar para as pessoas que Deus pode realmente mudar nossa vida e pode nos mostrar o caminho da vida em fartura, da vitória. Pois estou no caminho da vitória agora. Sinto que do jeito que toco hoje, do jeito que meu corpo se sente, Deus tem me ajudado imensamente, me sinto como se estivesse nos meus 20 ou 30 anos de idade, em plena forma física, tocando como toco da maneira que toco. Quero contar para as pessoas que Deus pode nos fazer dar o melhor de nós mesmos. Definitivamente, Deus é positivo. Deus é força. E Deus é vida em fartura. E Deus pode nos mostrar como viver do jeito que ele quer que a gente viva”. [3]
Curtam nossa página: 


Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
;