segunda-feira, 28 de setembro de 2015 0 comentários

Série: Dicas de livros Cristãos: A fé e a Liberdade do Homem: A influência Teológica de Jacó Armínio. - Geraldo O. Mcculloh

Série: Dicas de livros Cristãos: A fé e a Liberdade do Homem: A influência Teológica de Jacó Armínio. - Geraldo O. Mcculloh





Enquanto alguns reformadores protestantes decidiam por condenação de ‘hereges’, usando espadas para tal fim. Aparece no século XVII, uma ideia radical para tal contexto. Jacó Armínio, pregou a tolerância religiosa, a compreensão e o amor Cristão para com Todos, em suma ele defendeu que mesmo havendo divergência de ideias, mas o sentimento de amor Cristão deveria prevalecer. Algo bem nítido em sua teologia.

“A fé e a Liberdade do Homem: a influência Teológica de Jacó Armínio.” Eis um ótimo livro, para os apreciadores de história do cristianismo ou teologia histórica. Nele, percebemos a herança que Jacó Armínio e seus discípulos deixaram para o campo da liberdade religiosa dentro do seio do cristianismo pós-reforma.

Este livro aborda justamente essas questões da herança arminiana, não somente para o campo da liberdade em termos gerais, mas também nas questões sociais.

A influência do Arminianismo, essa ‘terceira reforma protestante’, que teve início nos países baixos (séc. XVII), passando pela Inglaterra (com o metodismo) e chegando nos Estados Unidos da América. É abordado de forma rápida, mas bem documentada neste livro. Os autores demostram que a capacidade de ser tolerante para com a opinião do outro (mesmo havendo divergências de ideias) mas sem agir de coerção (algo inaceitável para Armínio e seus discípulos) para os que pensavam diferente, é fruto do Arminianismo.

Neste livro é enfatizado não somente a influência, mas também a herança que os pensamentos de tolerância pregados por Armínio, Episcópio, Uitenbogaert, Jon Milton, John Wesley, entre outros, trouxeram para os campos da liberdade civil, liberdade religiosa, liberdade de livre associação, liberdade de consciência.

E aqui quero destacar a tolerância para a liberdade de falar o que pensa, sem ter medo de ser condenado por uma religião estatal. Algo realmente novo para tal contexto, já que o calvinismo rígido dos países baixos, era na maioria das vezes, intolerante para com os outros. Esta liberdade, foi defendida pelos Arminianos (de cabeça e coração). Tal herança, possibilitou o retorno (algo normal na igreja cristã primitiva) de mais amor no meio Cristão do século XVII em diante, o que passou por toda a Europa, chegando a América.

Bom, se você gosta de história do Ocidente e deseja saber como a tolerância começou a ganhar espaço no início Idade Moderna. E se você deseja conhecer mais sobre a teologia Arminiana e sua influência, recomendo, este livro.

Curtam nossa página: https://www.facebook.com/Cristianismounderground
segunda-feira, 21 de setembro de 2015 0 comentários

Série: Dicas de livros cristãos: “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”- Adauto Lourenço

~Edy

Série: Dicas de livros cristãos: “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”-  Adauto Lourenço
 O livro de hoje é do autor, físico e teólogo “Adauto Lourenço”. O nome do livro é “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”  Eu li este livro por volta de 2013. Trata-se de um livro que trata de uns dos capítulos mais complicados com relação a criação do mundo, em uma cosmovisão cristã/bíblica/cientifica.
Ao longo do tempo, muitos Cientistas e Teólogos, (Criacionistas x Evolucionistas), tem se perguntado sobre as possíveis incoerências nos relatos da criação, expressos nos dois primeiros capítulos no livro de Gênesis. Perguntas como:  Como pode existir uma luz antes da criação dos corpos celestes? Como é possível criar uma mulher oriunda da costela de Adão? A bíblia fala sobre dinossauros? A bíblia é um livro científico? São duas criações? Entre outras, tem sido debatida e discutida por anos.
O professor Adauto Lourenço, o qual já tive o prazer de assistir ao vivo algumas de suas palestras na consciência Cristã, aborda de uma forma magistral essas questões. Claro, que como Criacionista, ele defende a sua opinião em seu livro. Como o Adauto tem mestrado em física, e já o vi palestrando pessoalmente, posso falar sem rodeios, que o cara é bom, conhece muito. Mas, como qualquer outra pode estar equivocado com relação a essas questões científicas.
Vale ressaltar algo interessante que muitos ainda não conhecem ou ignoram. O criacionismo não totaliza todas as posições de cientistas cristãos. Existem cientistas cristãos que são evolucionistas teístas.  Enfim, é um livro de leitura agradável, mas com muitas informações, não é um livro pra apenas para se fazer somente uma leitura, mas reler várias vezes. Recomendo a leitura do mesmo.

sábado, 12 de setembro de 2015 0 comentários

Dica de leitura: Apologética para questões difíceis da vida – William Lane Craig

Dica de leitura: Apologética para questões difíceis da vida – William Lane Craig

E a série continua, a dica de hoje é de um livro muito bom, do Dr. William Lane Craig, o livro: Apologética para questões difíceis da vida. Craig possuí doutorado em Filosofia e Teologia. E é considerado por muitos, o maior apologista cristão do século XXI. Este livro é um livro de Defesa da Fé Cristã. A área da apologética cristã, não se resume apenas a uma defesa do cristianismo, contra seitas e heresias, mas existe outra área da apologética cristã, que busca apresentar uma explicação racional para as verdades afirmadas pela fé Cristã.
  Infelizmente, parece que muitos cristãos ainda não entenderam a seguinte exortação: “Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós.” 1 Pedro 3:15. Os Pais Apologistas do Segundo Século, estavam muitos cientes disso e ao seguir essa exortação, resultou em diversos estudos/tratados/refutações das seitas e heresias que norteavam aquele século. E atualmente algumas perguntas atormentam a mente de alguns cristãos: Por que Deus não responde ás minhas orações? Se Deus é onipotente, por que o mal existe? Se Deus é tão amoroso, por que sofremos? Qual é o significado do sofrimento para o cristão? Como ele deve lidar com suas dúvidas? Se você deseja respostas inteligentes e honestas para esses dilemas, este é o livro.

 Este foi o primeiro livro do Craig, que eu li (2013). Gostei bastante do mesmo, ele traz uma leitura inteligente e de fácil compreensão. Neste livro o autor nos traz ótimas respostas inteligentes, sábias e ponderadas e biblicamente respaldadas para estas dúvidas levantadas. Além de tratar de questões polêmicas, como: aborto, homossexualismo, o problema do mal, etc. Claro, que como filósofo e teólogo, as respostas do mesmo não são simplistas, mas embasadas filosoficamente e teologicamente. Se você tem dúvidas semelhantes a essas, mesmo sendo cristão ou não, este é um livro Super recomendado para você. 

terça-feira, 8 de setembro de 2015 0 comentários

Dicas de livros: O Cristão Ateu - Craig Groeschel

Dica de livros Cristãos: O Cristão Ateu - Craig Groeschel.
E aqui estamos nós, em mais uma dica de livro de conteúdo Cristão. E o livro de hoje é o “O Cristão Ateu” do Craig Groeschel. Apriori quando vi o livro na estante 1º FELICC (Feira de Livro da Consciência Cristã) na Consciência Cristã em 2013, com esse título bastante chamativo, pensei que seria um livro de Apologética Cristã. Só que eu estava enganado, mas mesmo assim decidir comprar o livro. E não me arrependi da compra, pois este é um livro muito bom. O título “Cristão Ateu” de imediato pode parecer controverso, mas o autor explica o que seria um Cristão Ateu: aquele Cristão que crê em Deus, mas vive como se ele não existisse. Segundo o autor do livro, o pastor Groeschel: “Os cristãos ateus estão por toda parte. Frequentam igreja católicas, batistas, pentecostais, [presbiterianas, Metodistas], entre outras. Frequentam grandes seminários, faculdades, e universidades [...] alguns até leem a Bíblia todos os dias.” p.13. Para ele o Cristão Ateu está no meio-termo, acredita em Deus, mas vive como se ele não existisse.
Sabe aqueles livros que te confrontam, que te levam a pensar como anda a sua caminhada cristã? Como anda sua fé e sua vida diante de Deus e do que nós exposto nas Sagradas Escrituras? Que confronta nossa religiosidade hipócrita? Este é um deles. Neste pequeno livro, o autor nos leva a pensar o nosso relacionamento com Deus, além de contas suas próprias experiências e dúvidas, nos leva a repensar durante toda a leitura, se não nós enquadramos nesse meio, e o mais importante nos encoraja a mudar, a sair desse meio de “Ateísmo Cristão”.
Bom, é um livro bastante interessante e edificante, pra você que diz ser Cristão ou tem fé em Cristo/Deus, independentemente de sua vinculação com uma instituição religiosa, seja católica ou protestante. Recomendo demais a leitura do mesmo.

segunda-feira, 7 de setembro de 2015 1 comentários

Conheçam o ministério 'Bikers For Christ"

Bikers For Christ -Motoqueiros tatuados cruzam os Estados Unidos para pregar o Evangelho 
O sol da Califórnia bate forte sobre as imensas planícies desérticas. O calor é intenso, mas o pastor Fred Z não se importa. Vestindo seu traje habitual – calça jeans, camiseta escura e jaqueta de couro preto -, ele monta em sua moto Harley Davidson, dá a partida no barulhento motor de dois cilindros em V e parte para sua missão: “levar o evangelho para os renegados desse mundo”.

 Fred Zariczny, de 56 anos, é o líder e fundador da Bikers for Christ (BFC, “motociclistas por Cristo”), grupo com cerca de 4.000 membros que há 20 anos percorre 49 Estados americanos e 16 países no mundo promovendo cultos e eventos de caridade. Fundado em 1990, na Califórnia, o BFC agrega pessoas de diversas igrejas, por isso é chamado de “ministério multidenominacional” por seus membros.
Pouca coisa no BFC lembra uma igreja tradicional.

 Barbudos, tatuados e com cara de malvados, os pastores e membros do grupo chamam muita atenção por onde passam, tanto pelo visual quanto pelo barulho que suas motocicletas fazem. Fred Z conta que, nos primeiros anos de ministério, isso chegou a ser um obstáculo.
- As pessoas trancavam as crianças em casa, com medo de que fôssemos estuprar e matar todo mundo. Hoje, isso mudou, e a receptividade melhorou bastante.
 Mesmo ganhando a simpatia dos mais ‘caretas’, o foco dos motociclistas não é exatamente o público que já frequenta igrejas. O site do grupo deixa a missão bem clara: “Alguns querem viver entre os sinos das igrejas, nós queremos conduzir uma missão de resgate a um metro do inferno”.
Prisioneiros, renegados e foras-da-lei
Fred Z explica que, para os membros do BFC, a missão de levar a palavra de Deus é especialmente importante quando o alvo são os “renegados pela sociedade”.
- Trabalhamos com prisioneiros, pessoas que têm problemas com drogas, gente que a sociedade exclui de uma maneira geral.
O pastor usa a própria história para ilustrar o que chama de sua “missão”.
- Antes de me tornar cristão, eu tive muitos problemas com drogas. Depois que me converti, disseram que eu teria que parar de andar de motocicleta e de ouvir rock n´ roll, mas fui ler a Bíblia e não vi nada disso. Por isso decidi que minha missão seria levar o evangelho a pessoas como eu.
Mike Cash, de 61 anos, conhecido como Papa Mike, é o representante do BFC na região de Indian Wells, também na Califórnia. Ele explica que, além de espalhar a palavra de Deus aos renegados pela sociedade, o grupo promove eventos para arrecadar fundos para instituições de caridade.
- O trabalho é feito em reuniões mensais, arrecadamos dinheiro para diversas instituições de caridade e ajudamos muita gente.
Cash afirma que o grupo cresce à medida que agrega não só os renegados, mas também pessoas que se identificam com a causa.
- Se o sujeito é cristão e anda de motocicleta, ele acaba se juntando a nós.
O pastor Fred Z diz que, mais do que uma missão, o BFC foi a maneira que ele encontrou de salvar a própria vida.
- Aos 14 anos, eu era formado em drogas, sexo e depressão. Depois de ser preso, quase morrer em um acidente e de ter que aprender a andar novamente, vi que era o momento de mudar.

http://www.bikersforchrist.org 

Fontes: http://noticias.gospelmais.com.br/motoqueiros-tatuados-cruzam-os-estados-unidos-para-pregar-o-evangelho.html
Curtam nossa página:  https://www.facebook.com/Cristianismounderground
domingo, 6 de setembro de 2015 0 comentários

Série: Dicas de Livros Cristãos: Cristianismo Puro e Simples- C.S. Lewis



Série: Dicas de Livros Cristãos:  Cristianismo Puro e Simples- C.S. Lewis


Dica de livro: Cristianismo puro e simples- C.S. Lewis (Autor das Crônicas de Nárnia) .
Este é uns dos melhores livros de conteúdo Cristão, que já li. Não se trata de um livro de teologia cristã ou algo do tipo. Mas de um livro que traz uma leitura de fácil compreensão. De forma simples e racional, C.S. Lewis demonstra a coerência da fé Cristã. Neste livro, o Cristianismo é apresentado em sua forma mais simples. Um livro que nos traz boas reflexões. Indico a leitura para todos, cristãos e não cristãos.

Fontes: Cristianismounderground


0 comentários

Série: Dicas de livros Cristãos - O Evangelho Maltrapilho - Brennan Manning

Dica de livro: O Evangelho Maltrapilho - Brennan Manning

Mais uma dica de livro de conteúdo Cristão. Este é uns dos meus favoritos. Neste livro aprendi mais sobre a graça de Deus (Favor Imerecido). Um livro excelente que nos mostra o quanto somos falhos e não há problema nisso, pois Cristo veio exatamente para os pecadores (Lucas 5:32), e que a graça de Deus sempre está conosco. O que não nos isenta de querer mudar/melhorar, e esse talvez seja o ponto que discordo do autor, pois ao fazer uma leitura atenta dos livros do Manning, parece que o mesmo ensina uma graça barata, ou podemos dizer um conformismo em aceitar sua condição permanente de pecador. O que a bíblia não aceita (Hebreus 12:14.)
Mas voltando ao livro, nele encontramos várias frases inspiradoras e reflexivas, que nos leva a repensar nosso relacionamento com ABA(DEUS/PAI). Algumas frases que gosto deste livro:

"Não seja tolo a ponto de medir meu amor por você a partir do seu amor por mim! Não ouse comparar o seu amor tênue, pálido, hesitante e instável com o meu amor, pois eu sou Deus, não homem!"

"Sou ainda um maltrapilho, mas estou diferente", estão certos. Onde o pecado abundou, superabundou a graça."

"Deveríamos ficar perplexos diante da bondade de Deus, estupefatos diante do fato de ele se dar ao trabalho de chamar-nos pelo nome, boquiabertos diante do seu amor, maravilhados de que neste preciso momento estejamos pisando em terreno santo."

"Sou um arco em tuas mãos.Senhor. Estenda-me, para que eu não perca a utilidade. Não me estendas além da conta, Senhor, posso quebrar, Estenda-me além da conta Senhor- e daí se eu quebrar?

Enfim é um excelente livro, ao lado do "Cristianismo Puro e Simples" do C.S. Lewis, é uns dos meus favoritos.
Recomendo, para conhecer mais sobre o livro, curta a página: https://www.facebook.com/pages/O-evangelho-Maltrapilho/185226821523849?sk=timeline

Para entender mais sobre a graça, leiam essa postagem:
http://cristianismounderground.blogspot.com.br/2012/02/entendendo-o-chamado-da-graca.html 


Fontes: Cristianismounderground
terça-feira, 1 de setembro de 2015 0 comentários

Curiosidades do Metal Cristão - Holy Blood e o testemunho do Fedor Buzilevich

Série: Curiosidades do Metal Cristão




Você sabia que o Fedor Buzilevich (vocalista/guitarrista da banda Holy Blood) é pastor de uma igreja underground?

Uma curiosidade interessante que alguns ainda não sabem, é que o fundador da banda banda "Fedor Buzilevich", antes de se converter ao Senhor dos Senhores, já se envolveu com satanismo, e hoje é pastor de uma igreja underground lá na Ucrânia. A igreja se chama "The Voice Crying" ou "A voz que Chora"


Confira o testemunho do Fedor Buzilevich


O Holy Blood abandonou o seu estilo Folk/Black Metal, em seu novo álbum.No "Day of Vegeance" Percebemos que a sonoridade está mais Death Metal com pegadas do Viking Metal.

A capa do seu novo álbum "Day of Vengeance" me chamou bastante atenção. Onde um guerreiro seguro uma espada e uma cabeça de "baphomet", figura esta que é associada no metal à bandas satânicas.

A imagem representa que o Diabo não tem poder sobre o servo de Deus que está preparado com a espada do Espírito (Esse é o meu entender).



http://www.metal-archives.com/bands/Holy_Blood/20333

Confira o álbum completo:



Curtam nossa página:
https://www.facebook.com/Cristianismounderground

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Série: Dicas de livros Cristãos: A fé e a Liberdade do Homem: A influência Teológica de Jacó Armínio. - Geraldo O. Mcculloh

Série: Dicas de livros Cristãos: A fé e a Liberdade do Homem: A influência Teológica de Jacó Armínio. - Geraldo O. Mcculloh





Enquanto alguns reformadores protestantes decidiam por condenação de ‘hereges’, usando espadas para tal fim. Aparece no século XVII, uma ideia radical para tal contexto. Jacó Armínio, pregou a tolerância religiosa, a compreensão e o amor Cristão para com Todos, em suma ele defendeu que mesmo havendo divergência de ideias, mas o sentimento de amor Cristão deveria prevalecer. Algo bem nítido em sua teologia.

“A fé e a Liberdade do Homem: a influência Teológica de Jacó Armínio.” Eis um ótimo livro, para os apreciadores de história do cristianismo ou teologia histórica. Nele, percebemos a herança que Jacó Armínio e seus discípulos deixaram para o campo da liberdade religiosa dentro do seio do cristianismo pós-reforma.

Este livro aborda justamente essas questões da herança arminiana, não somente para o campo da liberdade em termos gerais, mas também nas questões sociais.

A influência do Arminianismo, essa ‘terceira reforma protestante’, que teve início nos países baixos (séc. XVII), passando pela Inglaterra (com o metodismo) e chegando nos Estados Unidos da América. É abordado de forma rápida, mas bem documentada neste livro. Os autores demostram que a capacidade de ser tolerante para com a opinião do outro (mesmo havendo divergências de ideias) mas sem agir de coerção (algo inaceitável para Armínio e seus discípulos) para os que pensavam diferente, é fruto do Arminianismo.

Neste livro é enfatizado não somente a influência, mas também a herança que os pensamentos de tolerância pregados por Armínio, Episcópio, Uitenbogaert, Jon Milton, John Wesley, entre outros, trouxeram para os campos da liberdade civil, liberdade religiosa, liberdade de livre associação, liberdade de consciência.

E aqui quero destacar a tolerância para a liberdade de falar o que pensa, sem ter medo de ser condenado por uma religião estatal. Algo realmente novo para tal contexto, já que o calvinismo rígido dos países baixos, era na maioria das vezes, intolerante para com os outros. Esta liberdade, foi defendida pelos Arminianos (de cabeça e coração). Tal herança, possibilitou o retorno (algo normal na igreja cristã primitiva) de mais amor no meio Cristão do século XVII em diante, o que passou por toda a Europa, chegando a América.

Bom, se você gosta de história do Ocidente e deseja saber como a tolerância começou a ganhar espaço no início Idade Moderna. E se você deseja conhecer mais sobre a teologia Arminiana e sua influência, recomendo, este livro.

Curtam nossa página: https://www.facebook.com/Cristianismounderground

segunda-feira, 21 de setembro de 2015

Série: Dicas de livros cristãos: “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”- Adauto Lourenço

~Edy

Série: Dicas de livros cristãos: “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”-  Adauto Lourenço
 O livro de hoje é do autor, físico e teólogo “Adauto Lourenço”. O nome do livro é “Gênesis 1 & 2: a mão de Deus na criação.”  Eu li este livro por volta de 2013. Trata-se de um livro que trata de uns dos capítulos mais complicados com relação a criação do mundo, em uma cosmovisão cristã/bíblica/cientifica.
Ao longo do tempo, muitos Cientistas e Teólogos, (Criacionistas x Evolucionistas), tem se perguntado sobre as possíveis incoerências nos relatos da criação, expressos nos dois primeiros capítulos no livro de Gênesis. Perguntas como:  Como pode existir uma luz antes da criação dos corpos celestes? Como é possível criar uma mulher oriunda da costela de Adão? A bíblia fala sobre dinossauros? A bíblia é um livro científico? São duas criações? Entre outras, tem sido debatida e discutida por anos.
O professor Adauto Lourenço, o qual já tive o prazer de assistir ao vivo algumas de suas palestras na consciência Cristã, aborda de uma forma magistral essas questões. Claro, que como Criacionista, ele defende a sua opinião em seu livro. Como o Adauto tem mestrado em física, e já o vi palestrando pessoalmente, posso falar sem rodeios, que o cara é bom, conhece muito. Mas, como qualquer outra pode estar equivocado com relação a essas questões científicas.
Vale ressaltar algo interessante que muitos ainda não conhecem ou ignoram. O criacionismo não totaliza todas as posições de cientistas cristãos. Existem cientistas cristãos que são evolucionistas teístas.  Enfim, é um livro de leitura agradável, mas com muitas informações, não é um livro pra apenas para se fazer somente uma leitura, mas reler várias vezes. Recomendo a leitura do mesmo.

sábado, 12 de setembro de 2015

Dica de leitura: Apologética para questões difíceis da vida – William Lane Craig

Dica de leitura: Apologética para questões difíceis da vida – William Lane Craig

E a série continua, a dica de hoje é de um livro muito bom, do Dr. William Lane Craig, o livro: Apologética para questões difíceis da vida. Craig possuí doutorado em Filosofia e Teologia. E é considerado por muitos, o maior apologista cristão do século XXI. Este livro é um livro de Defesa da Fé Cristã. A área da apologética cristã, não se resume apenas a uma defesa do cristianismo, contra seitas e heresias, mas existe outra área da apologética cristã, que busca apresentar uma explicação racional para as verdades afirmadas pela fé Cristã.
  Infelizmente, parece que muitos cristãos ainda não entenderam a seguinte exortação: “Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e estai sempre preparados para responder com mansidão e temor a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós.” 1 Pedro 3:15. Os Pais Apologistas do Segundo Século, estavam muitos cientes disso e ao seguir essa exortação, resultou em diversos estudos/tratados/refutações das seitas e heresias que norteavam aquele século. E atualmente algumas perguntas atormentam a mente de alguns cristãos: Por que Deus não responde ás minhas orações? Se Deus é onipotente, por que o mal existe? Se Deus é tão amoroso, por que sofremos? Qual é o significado do sofrimento para o cristão? Como ele deve lidar com suas dúvidas? Se você deseja respostas inteligentes e honestas para esses dilemas, este é o livro.

 Este foi o primeiro livro do Craig, que eu li (2013). Gostei bastante do mesmo, ele traz uma leitura inteligente e de fácil compreensão. Neste livro o autor nos traz ótimas respostas inteligentes, sábias e ponderadas e biblicamente respaldadas para estas dúvidas levantadas. Além de tratar de questões polêmicas, como: aborto, homossexualismo, o problema do mal, etc. Claro, que como filósofo e teólogo, as respostas do mesmo não são simplistas, mas embasadas filosoficamente e teologicamente. Se você tem dúvidas semelhantes a essas, mesmo sendo cristão ou não, este é um livro Super recomendado para você. 

terça-feira, 8 de setembro de 2015

Dicas de livros: O Cristão Ateu - Craig Groeschel

Dica de livros Cristãos: O Cristão Ateu - Craig Groeschel.
E aqui estamos nós, em mais uma dica de livro de conteúdo Cristão. E o livro de hoje é o “O Cristão Ateu” do Craig Groeschel. Apriori quando vi o livro na estante 1º FELICC (Feira de Livro da Consciência Cristã) na Consciência Cristã em 2013, com esse título bastante chamativo, pensei que seria um livro de Apologética Cristã. Só que eu estava enganado, mas mesmo assim decidir comprar o livro. E não me arrependi da compra, pois este é um livro muito bom. O título “Cristão Ateu” de imediato pode parecer controverso, mas o autor explica o que seria um Cristão Ateu: aquele Cristão que crê em Deus, mas vive como se ele não existisse. Segundo o autor do livro, o pastor Groeschel: “Os cristãos ateus estão por toda parte. Frequentam igreja católicas, batistas, pentecostais, [presbiterianas, Metodistas], entre outras. Frequentam grandes seminários, faculdades, e universidades [...] alguns até leem a Bíblia todos os dias.” p.13. Para ele o Cristão Ateu está no meio-termo, acredita em Deus, mas vive como se ele não existisse.
Sabe aqueles livros que te confrontam, que te levam a pensar como anda a sua caminhada cristã? Como anda sua fé e sua vida diante de Deus e do que nós exposto nas Sagradas Escrituras? Que confronta nossa religiosidade hipócrita? Este é um deles. Neste pequeno livro, o autor nos leva a pensar o nosso relacionamento com Deus, além de contas suas próprias experiências e dúvidas, nos leva a repensar durante toda a leitura, se não nós enquadramos nesse meio, e o mais importante nos encoraja a mudar, a sair desse meio de “Ateísmo Cristão”.
Bom, é um livro bastante interessante e edificante, pra você que diz ser Cristão ou tem fé em Cristo/Deus, independentemente de sua vinculação com uma instituição religiosa, seja católica ou protestante. Recomendo demais a leitura do mesmo.

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Conheçam o ministério 'Bikers For Christ"

Bikers For Christ -Motoqueiros tatuados cruzam os Estados Unidos para pregar o Evangelho 
O sol da Califórnia bate forte sobre as imensas planícies desérticas. O calor é intenso, mas o pastor Fred Z não se importa. Vestindo seu traje habitual – calça jeans, camiseta escura e jaqueta de couro preto -, ele monta em sua moto Harley Davidson, dá a partida no barulhento motor de dois cilindros em V e parte para sua missão: “levar o evangelho para os renegados desse mundo”.

 Fred Zariczny, de 56 anos, é o líder e fundador da Bikers for Christ (BFC, “motociclistas por Cristo”), grupo com cerca de 4.000 membros que há 20 anos percorre 49 Estados americanos e 16 países no mundo promovendo cultos e eventos de caridade. Fundado em 1990, na Califórnia, o BFC agrega pessoas de diversas igrejas, por isso é chamado de “ministério multidenominacional” por seus membros.
Pouca coisa no BFC lembra uma igreja tradicional.

 Barbudos, tatuados e com cara de malvados, os pastores e membros do grupo chamam muita atenção por onde passam, tanto pelo visual quanto pelo barulho que suas motocicletas fazem. Fred Z conta que, nos primeiros anos de ministério, isso chegou a ser um obstáculo.
- As pessoas trancavam as crianças em casa, com medo de que fôssemos estuprar e matar todo mundo. Hoje, isso mudou, e a receptividade melhorou bastante.
 Mesmo ganhando a simpatia dos mais ‘caretas’, o foco dos motociclistas não é exatamente o público que já frequenta igrejas. O site do grupo deixa a missão bem clara: “Alguns querem viver entre os sinos das igrejas, nós queremos conduzir uma missão de resgate a um metro do inferno”.
Prisioneiros, renegados e foras-da-lei
Fred Z explica que, para os membros do BFC, a missão de levar a palavra de Deus é especialmente importante quando o alvo são os “renegados pela sociedade”.
- Trabalhamos com prisioneiros, pessoas que têm problemas com drogas, gente que a sociedade exclui de uma maneira geral.
O pastor usa a própria história para ilustrar o que chama de sua “missão”.
- Antes de me tornar cristão, eu tive muitos problemas com drogas. Depois que me converti, disseram que eu teria que parar de andar de motocicleta e de ouvir rock n´ roll, mas fui ler a Bíblia e não vi nada disso. Por isso decidi que minha missão seria levar o evangelho a pessoas como eu.
Mike Cash, de 61 anos, conhecido como Papa Mike, é o representante do BFC na região de Indian Wells, também na Califórnia. Ele explica que, além de espalhar a palavra de Deus aos renegados pela sociedade, o grupo promove eventos para arrecadar fundos para instituições de caridade.
- O trabalho é feito em reuniões mensais, arrecadamos dinheiro para diversas instituições de caridade e ajudamos muita gente.
Cash afirma que o grupo cresce à medida que agrega não só os renegados, mas também pessoas que se identificam com a causa.
- Se o sujeito é cristão e anda de motocicleta, ele acaba se juntando a nós.
O pastor Fred Z diz que, mais do que uma missão, o BFC foi a maneira que ele encontrou de salvar a própria vida.
- Aos 14 anos, eu era formado em drogas, sexo e depressão. Depois de ser preso, quase morrer em um acidente e de ter que aprender a andar novamente, vi que era o momento de mudar.

http://www.bikersforchrist.org 

Fontes: http://noticias.gospelmais.com.br/motoqueiros-tatuados-cruzam-os-estados-unidos-para-pregar-o-evangelho.html
Curtam nossa página:  https://www.facebook.com/Cristianismounderground

domingo, 6 de setembro de 2015

Série: Dicas de Livros Cristãos: Cristianismo Puro e Simples- C.S. Lewis



Série: Dicas de Livros Cristãos:  Cristianismo Puro e Simples- C.S. Lewis


Dica de livro: Cristianismo puro e simples- C.S. Lewis (Autor das Crônicas de Nárnia) .
Este é uns dos melhores livros de conteúdo Cristão, que já li. Não se trata de um livro de teologia cristã ou algo do tipo. Mas de um livro que traz uma leitura de fácil compreensão. De forma simples e racional, C.S. Lewis demonstra a coerência da fé Cristã. Neste livro, o Cristianismo é apresentado em sua forma mais simples. Um livro que nos traz boas reflexões. Indico a leitura para todos, cristãos e não cristãos.

Fontes: Cristianismounderground


Série: Dicas de livros Cristãos - O Evangelho Maltrapilho - Brennan Manning

Dica de livro: O Evangelho Maltrapilho - Brennan Manning

Mais uma dica de livro de conteúdo Cristão. Este é uns dos meus favoritos. Neste livro aprendi mais sobre a graça de Deus (Favor Imerecido). Um livro excelente que nos mostra o quanto somos falhos e não há problema nisso, pois Cristo veio exatamente para os pecadores (Lucas 5:32), e que a graça de Deus sempre está conosco. O que não nos isenta de querer mudar/melhorar, e esse talvez seja o ponto que discordo do autor, pois ao fazer uma leitura atenta dos livros do Manning, parece que o mesmo ensina uma graça barata, ou podemos dizer um conformismo em aceitar sua condição permanente de pecador. O que a bíblia não aceita (Hebreus 12:14.)
Mas voltando ao livro, nele encontramos várias frases inspiradoras e reflexivas, que nos leva a repensar nosso relacionamento com ABA(DEUS/PAI). Algumas frases que gosto deste livro:

"Não seja tolo a ponto de medir meu amor por você a partir do seu amor por mim! Não ouse comparar o seu amor tênue, pálido, hesitante e instável com o meu amor, pois eu sou Deus, não homem!"

"Sou ainda um maltrapilho, mas estou diferente", estão certos. Onde o pecado abundou, superabundou a graça."

"Deveríamos ficar perplexos diante da bondade de Deus, estupefatos diante do fato de ele se dar ao trabalho de chamar-nos pelo nome, boquiabertos diante do seu amor, maravilhados de que neste preciso momento estejamos pisando em terreno santo."

"Sou um arco em tuas mãos.Senhor. Estenda-me, para que eu não perca a utilidade. Não me estendas além da conta, Senhor, posso quebrar, Estenda-me além da conta Senhor- e daí se eu quebrar?

Enfim é um excelente livro, ao lado do "Cristianismo Puro e Simples" do C.S. Lewis, é uns dos meus favoritos.
Recomendo, para conhecer mais sobre o livro, curta a página: https://www.facebook.com/pages/O-evangelho-Maltrapilho/185226821523849?sk=timeline

Para entender mais sobre a graça, leiam essa postagem:
http://cristianismounderground.blogspot.com.br/2012/02/entendendo-o-chamado-da-graca.html 


Fontes: Cristianismounderground

terça-feira, 1 de setembro de 2015

Curiosidades do Metal Cristão - Holy Blood e o testemunho do Fedor Buzilevich

Série: Curiosidades do Metal Cristão




Você sabia que o Fedor Buzilevich (vocalista/guitarrista da banda Holy Blood) é pastor de uma igreja underground?

Uma curiosidade interessante que alguns ainda não sabem, é que o fundador da banda banda "Fedor Buzilevich", antes de se converter ao Senhor dos Senhores, já se envolveu com satanismo, e hoje é pastor de uma igreja underground lá na Ucrânia. A igreja se chama "The Voice Crying" ou "A voz que Chora"


Confira o testemunho do Fedor Buzilevich


O Holy Blood abandonou o seu estilo Folk/Black Metal, em seu novo álbum.No "Day of Vegeance" Percebemos que a sonoridade está mais Death Metal com pegadas do Viking Metal.

A capa do seu novo álbum "Day of Vengeance" me chamou bastante atenção. Onde um guerreiro seguro uma espada e uma cabeça de "baphomet", figura esta que é associada no metal à bandas satânicas.

A imagem representa que o Diabo não tem poder sobre o servo de Deus que está preparado com a espada do Espírito (Esse é o meu entender).



http://www.metal-archives.com/bands/Holy_Blood/20333

Confira o álbum completo:



Curtam nossa página:
https://www.facebook.com/Cristianismounderground

 
;