quarta-feira, 9 de abril de 2014

As I Lay Dying: Confirma hiato e novos projetos.

A banda As i Lay Dying publicou em seu site oficial, a confirmação do hiato da banda e dois novos projetos. Explicando a situação da banda e o futuro dos integrantes e do próprio Tim Lambesis, que segundo a banda, ele está retornando a sua fé cristã. Espero que sim, todo ser humano tem o direito de acreditar no que quiser, e torço pra que o Tim se recupere de fato.

Confira abaixo a mensagem:
"Houveram muitas perguntas dos fãs durante o último ano e esperamos respondê-las com o passar do tempo. Entretanto, essa atualização serve apenas para tratar sobre o futuro do AILD.
Inicialmente, nós afirmamos que falaríamos assim que tivéssemos mais informações. Pedimos desculpa por não cumprir isso. Na época parecia ser melhor esperar até tudo se concretizar. Entretanto, devido a especulação em outros sites, uma atualização feita por nós parece ser a melhor coisa para deixar certas coisas claras.
Um bom ponto de partida é corrigir algumas coisas que foram reportadas de forma errada. O Tim não era mais cristão na época que ele foi preso, e nem o As I Lay Dying uma banda cristã em 2013. Fazia um bom tempo que não éramos e, até onde eu sei, apenas um dos integrantes afirmava ser cristão na época. Essa mudança de visão foi escrita em várias músicas do As I Lay Dying e a visão do Tim como alguém ateu foi documentado em alguns registros do tribunal. Entretanto, a manchete no jornal relatando a prisão de "ex-cristão de banda de subgênero de metal" não fica tão bem quanto "Rockstar cristão de banda indicada ao Grammy".
Com isso, não sabemos como cada músico das eras anteriores do As I Lay Dying pensará sobre esses assuntos no futuro. O Tim passou a maior parte do ano passado reavaliando aquilo que fez ele abandonar a sua crença em Deus. Pelo que me passaram, depois de muito arrependimento e quebrantura, ele se considera um seguidor de Jesus e alguém que está dedicado a vontade de Deus, ou o que vocês quiserem chamar isso. Isso é algo que ele deverá falar quando sentir confortável e só o tempo dirá se ele diz isso com sinceridade. O que é certo é que é impossível encarar os eventos do ano passado sem enfrentar alguma mudança.  
Incertezas à frente...
O As I Lay Dying foi originalmente fundada pelo Tim e com o passar do tempo seu nome foi parcialmente passado ao Jordan. Como os dois integrantes oficiais, nenhum dos dois gostaria de seguir em frente com a banda, independentemente da sentença do Tim (que ainda será definida / não será 9 anos). Houve muita conversa para estabelecer algumas diferenças sobre o que deve ser feito em um futuro distante. E isso mantém o futuro do AILD no limbo. A versão da banda que está hibernando é apenas dos dois proprietários do As I Lay Dying, ou seja, o Tim e o Jordan. Essa incerteza se dá pelo fato de que não sabemos o futuro e nem quem estará com o grupo quando/se esse tempo chegar. Cerca de 20 caras já passaram pela posição de guitarrista ou baixista da banda ao longo da história. A atual formação não garante que ex-integrantes conversem no futuro, mas faz sentido agora deixar o AILD como algo do Tim e do Jordan.
Duas opiniões...
O Tim reconheceu a sua culpa e claramente tomou decisões erradas durante um período de tempo em que ele se comportou de uma forma contrária à pessoa que ele foi na maior parte da sua vida. Ele acredita que a banda deve voltar apenas se for um retomada às raízes. Para ele, o potencial de trabalhar novamente com o AILD significa trabalhar em muitas outras coisas que são mais importantes na vida dele primeiro.
Por outro lado, o Jordan sente algo diferente em relação ao futuro. Mesmo que isso fosse discutido mais um pouco, ele prefere tomar o tempo atual para buscar outras coisas. Isso inclui lançar músicas novas com três caras da formação mais recente do As I Lay Dying. É uma chance pro Jordan participar mais do processo de criação das músicas e aproveitar outros estilos que ele gostaria de tocar. Pra falar a verdade, essa banda já gravou seu primeiro álbum e eu tenho certeza que será incrível. A ideia não é substituir o As I Lay Dying, porque é algo de um estilo diferente e uma outra banda. Interessantemente, o vocalista deles também é um ex-cristão, como os companheiros de banda e é/era o guitarrista da banda Oh Sleeper (Shane Blay). Eles lançarão o trabalho pela Metal Blade, que será uma combinação interessante devido à abordagem menos pesada da banda.
Em termos da música, o Tim não quer mais viver a vida de músico, independentemente de qual será a sentença dele, que, com certeza, não será para sempre, mas mesmo assim, viver em turnês não parece algo saudável ou prático devido a nova forma como encara a vida e seus objetivos. Criar músicas novas é a parte que o Tim mais  gosta e algo que ele sempre estará fazendo. Isso inclui muitas das coisas que ele gravou nos últimos seis meses e o novo projeto que será anunciado em breve. Para os curiosos, posso falar que é bom ouvir ele tocando guitarra novamente e escrevendo muitos riffs novamente como ele fez nos primeiros cinco álbuns do As I Lay Dying.
Com isso, esperamos ter tratado das maiores dúvidas sobre o As I Lay Dying. Como falei acima, a banda está dormindo e não morta. Existem dois projetos que serão lançados, enquanto a banda pode ou não acordar novamente."

0 comentários:

Postar um comentário

quarta-feira, 9 de abril de 2014

As I Lay Dying: Confirma hiato e novos projetos.

A banda As i Lay Dying publicou em seu site oficial, a confirmação do hiato da banda e dois novos projetos. Explicando a situação da banda e o futuro dos integrantes e do próprio Tim Lambesis, que segundo a banda, ele está retornando a sua fé cristã. Espero que sim, todo ser humano tem o direito de acreditar no que quiser, e torço pra que o Tim se recupere de fato.

Confira abaixo a mensagem:
"Houveram muitas perguntas dos fãs durante o último ano e esperamos respondê-las com o passar do tempo. Entretanto, essa atualização serve apenas para tratar sobre o futuro do AILD.
Inicialmente, nós afirmamos que falaríamos assim que tivéssemos mais informações. Pedimos desculpa por não cumprir isso. Na época parecia ser melhor esperar até tudo se concretizar. Entretanto, devido a especulação em outros sites, uma atualização feita por nós parece ser a melhor coisa para deixar certas coisas claras.
Um bom ponto de partida é corrigir algumas coisas que foram reportadas de forma errada. O Tim não era mais cristão na época que ele foi preso, e nem o As I Lay Dying uma banda cristã em 2013. Fazia um bom tempo que não éramos e, até onde eu sei, apenas um dos integrantes afirmava ser cristão na época. Essa mudança de visão foi escrita em várias músicas do As I Lay Dying e a visão do Tim como alguém ateu foi documentado em alguns registros do tribunal. Entretanto, a manchete no jornal relatando a prisão de "ex-cristão de banda de subgênero de metal" não fica tão bem quanto "Rockstar cristão de banda indicada ao Grammy".
Com isso, não sabemos como cada músico das eras anteriores do As I Lay Dying pensará sobre esses assuntos no futuro. O Tim passou a maior parte do ano passado reavaliando aquilo que fez ele abandonar a sua crença em Deus. Pelo que me passaram, depois de muito arrependimento e quebrantura, ele se considera um seguidor de Jesus e alguém que está dedicado a vontade de Deus, ou o que vocês quiserem chamar isso. Isso é algo que ele deverá falar quando sentir confortável e só o tempo dirá se ele diz isso com sinceridade. O que é certo é que é impossível encarar os eventos do ano passado sem enfrentar alguma mudança.  
Incertezas à frente...
O As I Lay Dying foi originalmente fundada pelo Tim e com o passar do tempo seu nome foi parcialmente passado ao Jordan. Como os dois integrantes oficiais, nenhum dos dois gostaria de seguir em frente com a banda, independentemente da sentença do Tim (que ainda será definida / não será 9 anos). Houve muita conversa para estabelecer algumas diferenças sobre o que deve ser feito em um futuro distante. E isso mantém o futuro do AILD no limbo. A versão da banda que está hibernando é apenas dos dois proprietários do As I Lay Dying, ou seja, o Tim e o Jordan. Essa incerteza se dá pelo fato de que não sabemos o futuro e nem quem estará com o grupo quando/se esse tempo chegar. Cerca de 20 caras já passaram pela posição de guitarrista ou baixista da banda ao longo da história. A atual formação não garante que ex-integrantes conversem no futuro, mas faz sentido agora deixar o AILD como algo do Tim e do Jordan.
Duas opiniões...
O Tim reconheceu a sua culpa e claramente tomou decisões erradas durante um período de tempo em que ele se comportou de uma forma contrária à pessoa que ele foi na maior parte da sua vida. Ele acredita que a banda deve voltar apenas se for um retomada às raízes. Para ele, o potencial de trabalhar novamente com o AILD significa trabalhar em muitas outras coisas que são mais importantes na vida dele primeiro.
Por outro lado, o Jordan sente algo diferente em relação ao futuro. Mesmo que isso fosse discutido mais um pouco, ele prefere tomar o tempo atual para buscar outras coisas. Isso inclui lançar músicas novas com três caras da formação mais recente do As I Lay Dying. É uma chance pro Jordan participar mais do processo de criação das músicas e aproveitar outros estilos que ele gostaria de tocar. Pra falar a verdade, essa banda já gravou seu primeiro álbum e eu tenho certeza que será incrível. A ideia não é substituir o As I Lay Dying, porque é algo de um estilo diferente e uma outra banda. Interessantemente, o vocalista deles também é um ex-cristão, como os companheiros de banda e é/era o guitarrista da banda Oh Sleeper (Shane Blay). Eles lançarão o trabalho pela Metal Blade, que será uma combinação interessante devido à abordagem menos pesada da banda.
Em termos da música, o Tim não quer mais viver a vida de músico, independentemente de qual será a sentença dele, que, com certeza, não será para sempre, mas mesmo assim, viver em turnês não parece algo saudável ou prático devido a nova forma como encara a vida e seus objetivos. Criar músicas novas é a parte que o Tim mais  gosta e algo que ele sempre estará fazendo. Isso inclui muitas das coisas que ele gravou nos últimos seis meses e o novo projeto que será anunciado em breve. Para os curiosos, posso falar que é bom ouvir ele tocando guitarra novamente e escrevendo muitos riffs novamente como ele fez nos primeiros cinco álbuns do As I Lay Dying.
Com isso, esperamos ter tratado das maiores dúvidas sobre o As I Lay Dying. Como falei acima, a banda está dormindo e não morta. Existem dois projetos que serão lançados, enquanto a banda pode ou não acordar novamente."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

 
;